A2000 e seus STAKEHOLDERS: resultados

Imagem ilustrativa do texto

Neste artigo apresentam-se alguns resultados da A2000, relativos às interações estabelecidas com os seus stakeholders, em 2018.

Entenda-se por stakeholders todos os intervenientes ou partes interessadas que interagem com a A2000 e que graças a eles os serviços existiram e funcionaram.

  • Os 684 clientes foram atendidos por 84 colaboradores, cujas funções e vínculo foi diverso.
  • Financiadores, num total de 9, tornaram possível, os serviços prestados.
  • Os 162 parceiros tiveram um papel fundamental na prossecução dos objetivos do cliente e dos serviços.
  • Os 45 fornecedores contribuíram para que os recursos materiais, de equipamentos e de serviços não falhassem.

FINANCIADORES:

Os financiadores oficiais da A2000, em 2018, foram 9:

  • PO ISE – Tipologia de Operações 3.01 – Qualificação de pessoas com deficiência e ou incapacidade que financiou a Formação Profissional (FP);
  • IEFP que financia o Centro de Recursos para a Inclusão Profissional (CRIP);
  • O Instituto da Segurança Social, IP que financia duas respostas sociais: a Intervenção Precoce na Infância (IPI) e o Centro de Atendimento, Acompanhamento para a Reabilitação Social de Pessoas com Deficiência ou Incapacidade (CAARPD);
  • O Município de Sta. Marta de Penaguião e 5 das suas Freguesias (Sever, União de Freguesias de Lobrigos (S. Miguel, S João de Batista e Sanhoane), União de Freguesias de Louredo e Fornelos, Alvações do Corgo, Fontes) que financiam os Espaços de Convívio.

No que se refere à avaliação de satisfação, os financiadores públicos não responderam, mas subentende-se que estejam satisfeitos, pois mantêm-se desde há anos e nunca a A2000 foi penalizada por nenhum deles.

Os financiadores locais (5 Juntas de Freguesias e Município de Sta. Marta de Penaguião) mostraram-se 100% satisfeitos, sendo 71% das respostas de grau “Muito Satisfeito” com o serviço.

CLIENTES:

Os 684 clientes distribuíram-se por 7 serviços, com predomínio da Formação Profissional – nesta, apenas 8 pessoas frequentaram Formação não financiada (Formação Pedagógica Inicial de Formadores – FPIF) – seguida do Centro de Recursos para a Inclusão Profissional; em terceiro os Espaços de Convívio; em quarto lugar a IPI (Intervenção Precoce na Infância); em quinto o CAARPD. Os projetos financiados pelo INR, apesar de terem maior número de clientes do que o CAARPD, apenas envolveram os clientes durante 7 meses e a Clínica Social apenas atendeu 3 pessoas exteriores à A2000.

Ao nível da avaliação de satisfação dos clientes, esta foi positiva, tanto nos serviços formativos como nos não formativos.

Nos serviços formativos, nas diferentes ações formativas predominaram as avaliações de “Totalmente satisfeito”, contudo surgiram algumas avaliações negativas dispersas pelos vários itens, principalmente na área das condições físicas em dois locais, que levaram à mudança de instalações num local e à realização de obras noutro, para melhor responder às necessidades dos formandos.

Os serviços não formativos envolvem uma gama diversificada de serviços e de pessoas – os próprios ou os seus significativos (caso de IPI e de alguns clientes do CAARPD); com ou sem deficiência; jovens ou idosos – apesar de tudo, predomina a satisfação e, as respostas de insatisfação são dispersas, não permitindo a identificação de áreas fracas em específico.

COLABORADORES:

Em 2018, colaboraram 84 pessoas na A2000 e, fizeram-no através de diferentes vínculos:

  • Voluntariado (5 elementos da Direção e 1 pessoa que colaborou nos Espaços de Convívio)
  • Contrato de trabalho (48)
  • Prestação de Serviço (17)
  • Medidas ativas de emprego do IEFP (13).

No que se refere à avaliação de satisfação, todas os colaboradores a realizaram:

Os resultados obtidos quanto à satisfação foram os seguintes:

  • Os formadores externos revelaram total satisfação em todos os aspetos.
  • Os formadores internos revelaram total satisfação com todos os aspetos, exceto os formadores de um local que têm algumas respostas de insatisfação com as condições físicas, as quais já estavam identificadas, por isso em dezembro se efetuou a mudança de instalações.
  • Quanto à globalidade dos colaboradores vinculados com contrato de trabalho, o seu inquérito de avaliação da satisfação é anónimo, o que dificulta a compreensão dos possíveis motivos das avaliações negativas. Neste ano de 2018 a avaliação, na globalidade, foi significativamente mais positiva que no ano anterior, tendo ocorrido apenas 5% de respostas de insatisfação, principalmente nos itens relacionados com a “Mudança” e a “Motivação”, da análise dos itens específicos envolvidos percebe-se que a Remuneração, as Promoções, as Mudanças no trabalho/objetivos/metodologias e o Volume de trabalho, junto com o stress profissional são áreas sensíveis, onde ocorreu insatisfação.

PARCEIROS:

A A2000 contou com 162 Parceiros, destes 30 foram estratégicos, isto é proporcionaram mais-valias financeiras ou logísticas, imprescindíveis ao desenvolvimento dos serviços; os restantes foram parceiros funcionais, ou seja apesar de cada um ter objetivos diferentes, há partilha de recursos humanos, materiais, conhecimentos/competências, mas não financeiros.

Foram estabelecidas 55 novas parcerias (6 novas estratégicas), face ao ano anterior e, foi frequente o mesmo parceiro estabelecer mais do que um acordo de parceria.

Relativamente à avaliação de satisfação, em todos os serviços não ocorreram respostas de insatisfação, pelo que no gráfico abaixo se destacaram as avaliações de “Muito satisfeito.

A avaliação efetuada pelos parceiros acerca do desempenho da A2000 foi muito positiva, salientando-se que cada vez mais os parceiros conhecem mais serviços da A2000 e também têm-se tornado mais proativos no decurso da parceria.

Constatamos, contudo que a A2000 necessita investir na diversificação das parcerias, pois os parceiros escasseiam nas áreas da Inovação e do Mecenato.

FORNECEDORES:

A A2000 é uma entidade adjudicante nos termos previstos no artigo 2, n. º 2, alínea a) do Código dos Contratos Públicos – Decreto-Lei 18/2008 de 29 de Janeiro, na sua atual redação.

Assim, de acordo com as regras e procedimentos de contratação pública, em 2018, registaram-se os seguintes contratos:

  • Celebraram-se 6 novos contratos por Consulta Prévia (2 dos quais, devido ao término do prazo contratual, foram alvo de um novo procedimento de contratação pública);
  • Celebraram-se 13 contratos por Ajuste Direto Regime Simplificado, 11 dos quais para prestação de serviços de Formador Externo;
  • Transitaram 26 contratos do(s) ano(s) anterior(es).

Quanto à avaliação de satisfação, os fornecedores mostraram-se 100% satisfeitos, predominando as respostas de “Muito Satisfeito” (90%) em todos os critérios de avaliação. Saliente-se que os fornecedores classificaram a A2000, predominantemente (76%), como Ótimo Cliente.

Por parte da A2000, os seus colaboradores também se revelaram satisfeitos com os seus financiadores, parceiros e fornecedores, apesar disso apontaram algumas melhorias:

  • Aos Financiadores, a melhoria aponta para o planeamento e previsão orçamental: os financiadores públicos e locais deveriam ver a população com deficiência como prioritária.
  • Aos Parceiros, apesar de cumpridores dos objetivos (100%), por vezes poderiam ser mais participativos, exigentes ou proativos colocando novas metas a atingir.
  • Aos Fornecedores, apesar de não ter havido reclamações por parte da A2000, alguns manifestam pouco rigor (por inexperiência) com o cumprimento das premissas previamente estabelecidas.

Em suma, quando todos têm conhecimento dos seus objetivos e do que é esperado é fácil cumprir e satisfazer os restantes intervenientes. Por isso 2018 foi um ano muito positivo, em termos das relações e do cumprimento das metas estabelecidas.

Notícias Relacionadas

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024
Skip to content