Formação de Formadores concluída na A2000

Boneco a representar professor a dar uma explicação no quadro

Oito foram os novos formadores que saíram aprovados da Ação nº 4 da Formação Pedagógica Inicial de Formadores – Regime B-Learning da A2000, que foi realizada em Poiares- Peso da Régua.

Iniciada a 26 de novembro de 2019 e concluída a 31 de janeiro deste ano, a ação de formação dotou os formandos de competências pessoais e técnicas que os prepararam para uma nova função para a qual passam a estar habilitados. 

Diversos foram os temas abordados na formação. Os sistemas de qualificação, contextos e perfis do formador, a comunicação e dinamização de grupos de formação, as metodologias e estratégias pedagógicas, a operacionalização da formação, a utilização de recursos didáticos e multimédia, o desenvolvimento de uma formação através das plataformas colaborativas e de aprendizagem, ou a avaliação da formação e das aprendizagens, foram os assuntos que preencheram as sessões presenciais e síncronas, realizadas online. As simulações pedagógicas iniciais e finais contribuíram para testar os formandos numa simulação de sessão prática de formação, e para identificar e corrigir lacunas, por forma a aperfeiçoar as competências destes futuros formadores. 

No final desta ação de formação, as formadoras da A2000, Ana Antunes e Lara Carnide, realçaram o papel da mesma na qualificação dos formandos presentes. “Estas ações de formação revestem-se de grande importância para a A2000, no âmbito do seu trabalho em prol da qualificação técnica dos habitantes desta região, que se mostrem interessados em aprofundar as suas competências. Esperamos que façam bom uso desta formação no futuro, com a garantia de que terão na A2000 uma ajuda sempre presente, para o que necessitarem”.

Quanto aos testemunhos recolhidos nos formandos, a apreciação global é bastante positiva. Marisa Cardoso identificou a ação de formação“como sendo uma excelente oportunidade para quem não teve disponibilidade de tempo para uma formação totalmente presencial, e combinou as potencialidades de ensino presencial com o e-learning. Através desta formação consegui melhorar os meus «skills», as minhas capacidades enquanto formadora e, sobretudo, tornar mais eficaz a mensagem que transmito”, ressalvou.

Para Catarina Magalhães,“as expectativas e objetivos estabelecidos por mim foram atingidos, pois a formação permitiu-me o desenvolvimento de competências ao nível da comunicação com o público, adequação dos materiais e atividades à temática e ao público-alvo, e ainda permitiu o contacto com tecnologias e plataformas recentes e úteis para atividades de formação”. A aquisição de novos conhecimentos, como a estruturação de um plano de sessão, ou a permanente supervisão e acompanhamento dos formadores, foram aspetos igualmente elogiados por esta formanda.

Para Joana Alves, as competências pessoais e sociais que trabalhou na formação foram consideradas “ferramentas úteis em diversos domínios, como a comunicação e a habilidade para falar em público. Para mim, enquanto licenciada em Educação Social, esta formação foi muito enriquecedora a nível pessoal e profissional. A formação cumpriu por isso as minhas expectativas, e todos os formadores realizaram um ótimo trabalho”.

A A2000 está autorizada pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) a ministrar Formação de Formadores nos regimes presencial e b-learning.

Gonçalo Novais, Técnico da A2000

Notícias Relacionadas

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024
Skip to content