Integração profissional – Vera Gomes Associação São Tiago de Vila Chã – Alijó

Vera Gomes a fazer trabalho de limpeza

Vera Gomes, residente em Francelos, no concelho de Alijó, ficou integrada profissionalmente, na Associação São Tiago de Vila Chã, através de um Contrato Emprego Apoiado em Mercado Aberto.

O primeiro contacto da Vera com esta associação ocorreu no ano de 2017, quando a Vera foi encaminhada pelo Serviço de Emprego de Vila Real para o Centro de Recursos da A2000. No âmbito, da ação de Apoio à Colocação, realizou formação prática em contexto de trabalho, de forma a desenvolver/aperfeiçoar as suas competências e conhecimentos.

Poucos meses depois, a Vera teve a sua primeira integração profissional na entidade, através da realização de um Contrato Emprego Inserção+, que cumpriu com especial dedicação. Após o seu término, foi-lhe proporcionado um Estágio Inserção. Estas medidas ativas de emprego, disponibilizadas pelo IEFP, permitiram a Vera adaptar-se progressivamente às tarefas de ajudante familiar e à equipa de trabalho, bem como ser mais autónoma e independente.

Todo este processo culminou com a sua integração plena na entidade, através de um Contrato Apoiado em Mercado Aberto”. Para a Vera, este contrato de trabalho traz um novo alento para fazer mais e melhor, pois nele está o reconhecimento do seu empenho e dedicação prestado ao longo destes anos.

Quando questionada, sobre as tarefas que gosta mais de fazer, a Vera é perentória em afirmar que gosta especialmente de trabalhar diretamente com os idosos, fornecer-lhe cuidados básicos, e dar-lhes carinho e atenção. No entanto refere que também desenvolve outras tarefas ligadas serviço de lavandaria e limpeza de espaços e objetos.

“Gosto muito de trabalhar na Associação São Tiago de Vila Chã, é uma equipa pequena e muita unida, que me ajuda no que eu preciso. Sempre me senti bem aqui!”. “Agradeço a toda a equipa da Associação São Tiago de Vila Chã, por a ter sempre apoiado neste processo, bem como a equipa técnica da A2000”.

Entidade: Associação São Tiago de Vila Chã

Atividade: Instituição Particular de Solidariedade Social

Concelho: Alijó

Qual é na sua opinião, a importância da A2000 para o desenvolvimento deste público-alvo?
No meu ponto de vista a Associação A2000 assume um papel muito importante na área da deficiência, onde visa a integração e empregabilidade das pessoas com incapacidade/deficiência, minimizando as dificuldades que enfrentam na entrada no mercado de trabalho, pois ainda persiste os problemas de acesso ao emprego e um mercado de trabalho que exclui a diferença.

Em suma, a Associação A2000 contribui para uma maior responsabilização da sociedade de modo a promover condições de igualdade de participação e inclusão da pessoa com incapacidade/deficiência.

Que expectativas tinha dos clientes quando iniciaram FPCT na vossa entidade?
A integração nesta Associação da Vera Gomes superou todas as expectativas pré-estabelecidas, pois existe a ideia pré-concebida e enraizada na sociedade que este tipo de trabalhadores não trará tantos resultados como os outros. A verdade é que a pessoa com incapacidade/deficiência é capaz desempenhar um excelente trabalho e integrar equipa. A Vera desempenha funções de Auxiliar de Serviços gerais e Apoio aos Idosos, elabora todas as funções de forma responsável e autónoma.

Pelo que pôde observar, que mudanças se efetuaram na vida dos clientes, ao longo do FPCT e com a sua contratação?
No meu ponto de vista, e pelo que constatei na integração profissional da Vera Gomes, a integração no mercado de trabalho é muito importante, pois para além de trazer autonomia financeira, existiu um aumento da valorização pessoal, da auto-estima e sentimento de realização, tendo em conta as dificuldades acrescidas com que se deparam no momento de encontrarem um emprego.

Considera esta experiência uma mais-valia para a vossa entidade? Porquê?

No meu entendimento as IPSS´s têm o dever acrescido de integrar as pessoas com incapacidade/deficiência, pois trabalham no âmbito das políticas sociais, assumindo uma responsabilidade social no meio onde se encontram inseridas.

A integração é sempre uma mais-valia, pois para além de criar postos de trabalho, de forma a garantir a igualdade de oportunidades, torna o ambiente laboral mais sensível e consciente.

Dr. António Joaquim Fernandes, Pres. da Direção da Associação S. Tiago de Vila Chã

Ana Augusto, Técnica de Apoio da A2000

Notícias Relacionadas

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024
Skip to content