Márcio Carvalho – Junta de Freguesia de São Mamede de Ribatua

O Márcio foi recentemente integrado profissionalmente na Junta de Freguesia de São Mamede através de uma medida ativa de emprego, Contrato-Emprego Inserção + (CEI+)

Após ter sido sinalizado pelo Centro de Recursos para a Inclusão Profissional (CRIP) da A2000, o Márcio foi avaliado primeiramente no âmbito da medida IAOQE (Informação, Avaliação e Orientação para a Qualificação e Emprego) do Centro de Recursos, para depois realizar uma experiência laboral no decorrer do Apoio à Colocação. Finda esta experiência, que decorreu de forma muito positiva, veio o CEI+ e a continuidade do vínculo do Márcio à Junta de Freguesia.

Para o Márcio, exercer atividade profissional na Junta foi sempre o seu objetivo de vida, referindo que “gosta de trabalhar na Junta todos os dias, de fazer de tudo” salientando que é muito feliz e que “toda a gente gosta de mim na aldeia”.  É esta motivação e ligação ao mundo do trabalho que se torna fundamental para o nosso cliente. Quando questionado sobre as tarefas que realiza, refere que faz um pouco de tudo: “varre e limpa as ruas, corta a erva, limpa as bermas com a vassoura”, acrescentando que faz o que é preciso para manter a sua aldeia bonita. O Presidente reforça dizendo que concretiza as tarefas “com o maior profissionalismo.”

Para Mário Vaz, Presidente da Junta de Freguesia de São Mamede de Ribatua, o Márcio “desempenha as tarefas que lhe são propostas com grande profissionalismo, integridade, honestidade e sobretudo pontualidade, sendo um exemplo para outros funcionários,” acrescentando que “ é evidente que adora aquilo que faz.”

A adaptação do Márcio às rotinas e exigências do trabalho diário foi um aspeto bastante positivo elencado pelo autarca no âmbito deste processo: Apesar de o Márcio, ser uma pessoa com deficiência desempenha com grande mestria as suas funções, sendo um verdadeiro exemplo de profissionalismo e dedicação.

Também o apoio da A2000 foi elogiado pelo Presidente de Junta, consciente da necessidade de criar mais oportunidades a pessoas com deficiência ou incapacidade, em prol da sua qualidade de vida: “A Junta de Freguesia está recetiva para integrar mais pessoas com deficiência, bem como a estabilizar os seus vínculos, mas com os devidos apoios financeiros, até porque as condições financeiras das Juntas de Freguesia são muito frágeis, mas acredito que com o apoio por parte da Governação Central e com a devida legislação as pessoas com deficiência terão mais motivos para sorrir”. Refere ainda o papel fundamental da A2000 na consciencialização da responsabilidade social por parte das entidades: “O apoio da Associação A2000 tem sido fulcral na defesa dos interesses das pessoas com deficiência e desempenha uma parceria importante com as Juntas de Freguesia, foi a sua atitude proactiva que fez despoletar este contrato.”

O Presidente, Mário Vaz, finaliza a entrevista referindo a importâncias da união das entidades na promoção da inclusão: “Acreditamos que haverá mais jovens como ele a necessitar de emprego, a carecer apenas de uma oportunidade. Se as entidades empregadoras e as Associações forem unidas, criarem parcerias e oportunidades para estas pessoas, teremos certamente um mundo mais justo para todos.”

Mário Vaz – Presidente da Junta de Freguesia de
São Mamede de Ribatua

Fátima Teixeira, Técnica de Apoio

Notícias Relacionadas

DOADOR DO MÊS DE JULHO

10 de Julho, 2024

DOADOR DO MÊS DE JULHO

10 de Julho, 2024

DOADOR DO MÊS DE JULHO

10 de Julho, 2024
Skip to content