O sonho transformou-se em realidade e agora? Passamos do 8 para o 800…

António Ribeiro, presidente da A2000

Todas as pessoas que passaram pela A2000, nos últimos 18 anos de trabalho – clientes, colaboradores, amigos e Órgãos Sociais (e foram milhares…) – experimentaram a dura realidade da falta de espaço! 

Todos experienciaram o que é inventar soluções sempre que entrava mais um colaborador, sempre que íamos crescendo! Ficou bem claro, ao longo desses anos, o que é o “desenrascanço” à português! E confesso que até nos desenrascamos muito bem e com qualidade. Fomos habituados a procurar soluções de todas as formas e feitios e a envolver os agentes públicos e privados da comunidade. Mas, confesso também, que já estávamos cansados de tão pouco espaço, de tantos constrangimentos que iam obstando ao cumprimento da missão da A2000.

Para toda a A2000 o sonho sempre foi ter instalações adequadas e com espaço suficiente para o desenvolvimento saudável e profícuo de todas as atividades inerentes às respostas sociais que realizamos, bem como o alargamento a novas respostas de acordo com os desejos e aspirações dos nossos clientes e famílias. Foi assim durante muitos anos, sonhamos e fomos tentando várias alternativas e experimentando outras tantas desilusões, mas nunca desistimos! 

Efetivamente o sonho comanda a vida, de tal forma que, no dia 22 de julho de 2019, após 8 meses de intensas negociações, assinámos com a Província Portuguesa da Sociedade Salesiana o contrato de compra dos prédios que compõem o Colégio Salesiano de Poiares, para instalação da A2000. 

O sonho transformou-se em realidade, e agora? Bem, agora em termos de espaço físico passamos do 8 para 800 e temos em cima de nós uma responsabilidade ainda maior, de levar por diante o projeto de alargamento a outras respostas sociais. Agora não temos mais razões para nos queixarmos da falta de espaço. Agora as queixas serão de que o espaço é demais (mas preferimos esta!). Agora temos que continuar a sonhar e a trabalhar para transformarmos esses sonhos em realidades que protejam e apoiem as pessoas. Para além de muito espaço, temos muito trabalho pela frente. Tudo será em grande e “quanto maior é a nau, maior é a tormenta…” 

Ainda estamos atordoados com a enormidade do negócio, mas tem sido delicioso ver o brilho nos olhares dos colaboradores e dos familiares dos clientes que já visitaram as instalações! Sentimos que a decisão está claramente ratificada.

Iremos acomodar-nos nas novas instalações a partir de setembro e de forma paulatina. Estaremos abertos a toda a comunidade e às pessoas que queiram interagir com a A2000 de forma a contribuir para uma sociedade mais justa e solidária, para que ninguém fique esquecido e sem resposta. Temos a obrigação de fazer muito mais pela melhoria da qualidade de vida das pessoas.

António Ribeiro, Presidente da Direção

Notícias Relacionadas

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024
Skip to content