Visita à Lavandaria 5àsec de Vila Real

Formandos da A2000 visitam lavandaria

No passado mês, os clientes de Tabuaço, do curso 8 – Auxiliar de Serviços Gerais II, deslocaram-se a Vila Real, à Lavandaria 5àsec, localizada num espaço do Continente, para assistir ao processo da limpeza a seco.

Inserida na UFCD 3523 – Lavandaria e Tratamento de Roupa, a visita teve como objetivos visualizar os procedimentos a ter na lavagem da roupa a seco e reconhecer a utilidade desta limpeza.

À espera, encontrava-se a senhora Vera, empresária do ramo, com duas lojas em franchising, na cidade de Vila Real, uma localizada num espaço do Nosso Shopping e outra num espaço do Continente.

Não se poderia esperar melhor “professora”! Com um dom notável de comunicação, a senhora Vera não só transmitiu e pôs em prática todos os seus conhecimentos nesta área – etapas necessárias para uma limpeza a seco eficaz, como também mostrou as instalações e algumas máquinas que habitualmente são imprescindíveis numa lavandaria.

 “A limpeza da roupa a seco não é tão seca assim”, afirmou a mesma, isto porque a diferença da lavagem a seco em relação à lavagem normal é que, em vez de água, as roupas são tratadas com um solvente químico – que não deixa de ser um líquido. A limpeza a seco é um processo que combina uma ação mecânica à eficácia de um solvente – como por exemplo, o percloroetileno.

Neste processo de limpeza, a roupa não encolhe nem se deforma, isto porque o solvente tem um efeito contrário ao da água, que entufa a fibra dos tecidos e quando a roupa seca, desfigura-se.

A máquina utilizada para este processo é semelhante a uma máquina de lavar, embora maior e ter como característica o seu modo de operar. Em circuito fechado, o solvente é recuperado, filtrado e reutilizado no ciclo de limpeza seguinte.

O profissional que tem a cargo esta tarefa – limpeza a seco, inicia o processo inspecionando a roupa em busca de nódoas e manchas. Para cada tipo, como gordura, tinta, sangue ou molhos, aplica manualmente um produto químico específico, tirando as mesmas, com a ajuda de pequenas pistolas de ar comprimido a vapor e escovas. 

Num segundo período, coloca a roupa na máquina automática e juntamente com o solvente – percloroetileno, é lavada e centrifugada. Ainda dentro da máquina é acionado um sistema de ar quente que só desliga quando as peças estiverem completamente secas. 

Por último, após sair da máquina, a roupa é novamente examinada. Se restarem manchas e/ou nódoas, ela volta ao pré-tratamento e à máquina.

Depois de exemplificar todo este processo, a profissional referiu que a lavandaria possui uma gama de produtos que branqueiam, desengorduram, purificam e amaciam, de acordo com a necessidade dos têxteis. Acrescentou, dizendo que a 5àsec utiliza e manipula os solventes de uma forma responsável, tendo sempre em conta o bem-estar dos seus funcionários e clientes.

A experiência foi muito esclarecedora para os clientes do curso 8! Perceberam a grande vantagem desta limpeza e a sua utilidade nas roupas que não podem ter uma lavagem normal.

A visita possibilitou a transmissão de novos conhecimentos, o esclarecimento de dúvidas nesta matéria e a clarificação de mitos – afinal a limpeza a seco, de seco não tem nada!

Obrigada, senhora Vera, por permitir aos nossos clientes experienciar esta aprendizagem!

Susana Alves, Formadora

Notícias Relacionadas

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024

Doador do mês de maio

10 de Maio, 2024
Skip to content